Home » Notícias » Aplicativo da ARSESP permite fazer reclamações e obter orientações sobre serviços públicos

Aplicativo da ARSESP permite fazer reclamações e obter orientações sobre serviços públicos

Aplicativo da ARSESP permite fazer reclamações e obter orientações sobre serviços públicos

Com interface de navegação simples, o aplicativo da Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo (ARSESP) foi lançado durante a “II Semana do Consumidor”, entre 21 e 24 de março, e está disponível nas plataformas IOS (App Store) e ANDROID (Google Play Store). Foi desenvolvido pela PRODESP, com coordenação da Diretoria de Relações Institucionais e das áreas de Tecnologia da Informação, do Serviço de Atendimento ao Usuário e Comunicação, além de supervisão da Superintendência da Diretoria de Relações Institucionais da ARSESP. O objetivo é orientar e solucionar problemas dos consumidores sobre os serviços de saneamento básico, gás canalizado ou energia elétrica.

“Os celulares já ultrapassaram os computadores, sendo os dispositivos mais utilizados para acesso à internet no Brasil. E os aplicativos vieram com o propósito de agregar facilidades ao nosso cotidiano. A ARSESP, com essa ferramenta, simplifica e torna mais acessível o atendimento aos consumidores desses serviços públicos, aproximando mais a agência do cidadão”, afirma Paulo Athur Góes, Diretor de Relações Institucionais.

O consumidor poderá registrar a sua reclamação sobre os serviços, consultar o andamento, encaminhar fotos e conhecer os seus principais direitos e deveres. Baixando o aplicativo no celular ou tablet, o consumidor visualizará logo na primeira tela os setores regulados pela ARSESP. A agência estadual orienta os consumidores a buscarem o primeiro atendimento nos canais disponibilizados pelas concessionárias ou prestadoras de serviços.

É um novo e ágil canal de atendimento que traz dois diferenciais: o primeiro é que todos os registros e protocolos ficarão armazenados no celular, para que o usuário não precise se preocupar em anotar os números de protocolo. O segundo é que os consumidores poderão consultar o passo a passo das suas queixas registradas.

Serviço de Atendimento ao Usuário/ARSESP – Em 2016, no setor de saneamento básico, foram registradas 4.178 reclamações, representando queda de aproximadamente 25% em comparação com 2015, passado o pior período da escassez hídrica que assolou o Estado de São Paulo. Dentre os assuntos mais reclamados, o destaque positivo foi a diminuição de 53% nas demandas sobre falta de água, que passaram de 1.742 em 2015, para 817 em 2016.

No setor de gás canalizado, as reclamações aumentaram 51%. Foram 1.091 em 2016, ante 721 em 2015. As reclamações sobre cobrança aumentaram 80%, enquanto as demandas sobre religação cresceram 67%, ambas na comparação com 2015.

Já no setor de energia elétrica, a suspensão do serviço de teleatendimento da ANEEL, que durou 45 dias, de 06/05/16 a 20/06/16, prejudicou a comparação anual da quantidade de reclamações dos consumidores. Considerando apenas o ano de 2016, foram registradas 42.804 reclamações, com destaque para as demandas sobre variação de consumo, com 6.838 ou 16% do total, e ressarcimento de danos elétricos, com 5.305 ou 12,3% da totalidade.

Somando os três setores e considerando todos os tipos de manifestações e solicitações, foram atendidos aproximadamente 270 mil consumidores em 2016.

Scroll Up