Home » Notícias » Belarina apresenta projeto de construção de área de mais de 22 mil metros

Belarina apresenta projeto de construção de área de mais de 22 mil metros

Belarina apresenta projeto de construção de área de mais de 22 mil metros

Na manhã desta quinta-feira (14), os representantes da empresa Belarina Alimentos, Sr. Adelson Narciso e Gonzalo Correa, juntamente com os engenheiros Alberto Furlan e Rodrigo Ruiz, apresentaram ao prefeito municipal o projeto de construção da empresa que terá área total edificada de 22.764,34 m².

A empresa esclareceu ainda ao prefeito que cerca de 80% das obras de terraplenagem já foram executadas e que devem ser finalizadas nos próximos 20 dias, se o tempo contribuir. Na sequência, a empresa deve concluir as obras de drenagem e pavimentação da área para que possa dar início a construção no segundo semestre deste ano.

Segundo o representante da empresa, Sr. Adelson Narciso, o cronograma de obras, investimentos e os 500 empregos diretos a ser gerados estão mantidos. “Nossa equipe está empenhada em cumprir os prazos estabelecidos, para isso, há cerca de 1 mês um engenheiro permanece no local todo o tempo. Vamos manter os prazos fixados para que a empresa esteja em funcionamento no final de 2016 e no 1º semestre de 2016 vamos iniciar ações para qualificação da mão de obra”.

Na ocasião, o prefeito reforçou o pedido a empresa para que a mão de obra local seja priorizada em benefício da população e do município “Contamos com a empresa para que nossa população possa se qualificar e ter acesso ao mercado de trabalho, assim, fortalecendo nossa economia”.

Após receber o projeto de construção e ouvir os representantes da empresa o prefeito comemorou “A notícia do construção no segundo semestre é muito bem vinda. Isso porque, além de contribuir com o desenvolvimento econômico da cidade, possibilitará a nossa população o acesso ao mercado de trabalho num momento tão difícil da economia”, destacou ao saber que em breve a empresa buscará mão de obra para os andamentos das obras de construção civil.

Os representantes da Belarina informaram ainda que o projeto apresentado prevê ainda a construção de galpões para expansão das atividades para fabricação de pasta e de razão, além das atividades de moagem.