Home » Notícias » Beneficiários do Minha Casa Minha Vida participam de reunião

Beneficiários do Minha Casa Minha Vida participam de reunião

Beneficiários do Minha Casa Minha Vida participam de reunião

No último dia 10, na sede da Fundação Pátria, foram reiniciados os trabalhos técnicos e sociais com as famílias beneficiárias do programa Minha Casa Minha Vida II, relacionadas às 38 unidades habitacionais no bairro Capoavinha (Oferta Pública 2012). Cerca de 50 pessoas participaram. Além das famílias, estiveram presentes o vice-prefeito, os secretários de Governo, Planejamento e Desenvolvimento e de Assistência e Desenvolvimento Social, vereadores e o assessor do deputado federal Vitor Lippi, Luiz Salmeron.

Os trabalhos com as famílias são realizados de acordo com a portaria 547 do Ministério das Cidades, de 28 de novembro de 2011. Entre os acompanhamentos estão as reuniões periódicas, em parceria com a Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social (SADS), visando integrar as famílias e proporcionar conhecimento sobre o programa e assuntos do cotidiano, além de gerar vínculo entre os mutuários que integrarão o mesmo ambiente habitacional futuramente.

Nos últimos três anos foram abordados temas como Planejamento Familiar e Planejamento Financeiro. Já no último dia 10, em parceria com a Secretaria de Obras, foram abordadas as Responsabilidades técnicas referentes às moradias, com informações e orientações sobre o que poderá ser feito nas residências após a formalização da posse.

As famílias também foram atualizadas sobre as questões envolvendo a paralisação das obras, que ocorreu em novembro de 2016, e receberam informações encaminhadas pelo Ministério das Cidades referentes ao retorno da obra. Foi explicado ainda sobre o cenário em todo o país envolvendo obras do Minha Casa Minha Vida e outros projetos do Governo Federal.

O retorno das obras em Iperó e outras localidades que se encontram na mesma situação depende da emissão de nova portaria, conjunta entre o Ministério das Cidades e o Ministério do Planejamento, autorizando a prorrogação do prazo e orientando sobre as formas de pagamento e repasses à construtora. O documento se encontra em fase de adequações e por isso ainda não foi definida data para a publicação.

As reuniões com as famílias beneficiárias serão bimestrais.