Home » Notícias » Escola participa do programa “Trânsito Mirim”

Escola participa do programa “Trânsito Mirim”

Escola participa do programa “Trânsito Mirim”

Conscientizar sobre os perigos do trânsito e destacar a importância da vida. Esses são os pontos principais do programa “Trânsito Mirim”, desenvolvido pelo 5º Batalhão da Polícia Militar Rodoviária, de Tatuí, do qual estão participando os alunos da Escola Municipal “Dona Isaura Jamas Fogaça”. No último dia 30, os alunos visitaram a sede do batalhão, que fica no km 129 da rodovia Castello Branco, onde foram recepcionados com café da manhã, palestra e participaram de diversas atividades.

Os estudantes receberam orientações sobre o trânsito, prevenção a acidentes e primeiros socorros. Também pedalaram pela mini cidade e colocaram em prática tudo aquilo que aprenderam, vivenciando o cotidiano de uma cidade real. Eles conheceram ainda o trabalho da equipe de resgate da concessionária da rodovia e do Corpo de Bombeiros.

No fim da visita, todos receberam um talão de multas para fiscalizar os adultos e familiares. Já em sala de aula, as atividades são desenvolvidas através de desenhos e informações sobre o trânsito.

De acordo com Juliana Antunes Poli Simon, coordenadora da escola, as crianças passam a atuar como agentes de transformação. “Com esse aprendizado os alunos transmitem o conhecimento aos familiares e observam as eventuais infrações que os adultos cometem. Assim, alertam sobre os perigos da irresponsabilidade no trânsito”, comentou.

“As atividades desenvolvidas no batalhão da Polícia Militar Rodoviária contribuíram para que as crianças pudessem entender na prática o funcionamento do trânsito, incluindo a função das placas de sinalização e orientações sobre direção defensiva e direção responsável. Tudo isso tendo como foco o respeito à vida”, explicou a professora Fernanda Hessel.

“Conscientizar as nossas crianças para o trânsito, desde cedo, vai permitir que no futuro se tornem motoristas responsáveis. Hoje eles fiscalizam os familiares e pessoas próximas. Dentro de alguns anos eles é que estarão atrás do volante e certamente se lembrarão dessas lições aprendidas e a importância do respeito à vida”, disse o prefeito.