Home » Notícias » Escolas municipais organizam atividades em torno da luta contra a Dengue

Escolas municipais organizam atividades em torno da luta contra a Dengue

Escolas municipais organizam atividades em torno da luta contra a Dengue

Escolas municipais organizam atividades em torno da luta contra a Dengue
* Ações buscaram conscientizar moradores do Centro e George Oetterer sobre a doença

Com o objetivo de expandir a conscientização dos munícipes, alunos e familiares em torno dos cuidados necessários contra o mosquito Aedes Aegypti, as escolas municipais “Professora Henory de Campos Góes”, “Cecy Monteiro Oetterer” e “Visconde de Porto Seguro”, organizaram na última semana diversas atividades informativas, além de passeata nos respectivos bairros de cada unidade escolar.

Na escola Henory, os alunos desenvolveram o projeto “Carnaval Sem Dengue”. O projeto contou com uma paródia em carro de som durante a passeata, gravada por uma cantora lírica. Os moradores da região central, nas proximidades da escola, receberam dos alunos panfletos informativos com os cuidados necessários para combater a dengue.

Já na escola Cecy, em George Oetterer, os alunos também participaram de uma passeata com distribuição de panfletos, livros informativos, além de receita de um repelente caseiro. Os professores desenvolveram atividades em sala de aula em torno do projeto – cada aluno produziu seu repelente caseiro e pôde levar para a casa e intensificar os cuidados contra a doença.

Na escola Visconde a luta contra o mosquito Aedes Aegypti também aconteceu, a escola realizou o projeto “Visconde contra a Dengue”, onde foram desenvolvidas diversas atividades: elaboração de folders informativos, cartazes, histórias em quadrinhos, paródias, gincana, além da passeata pelo bairro em busca de conscientização da população e uma limpeza simbólica pelas ruas do bairro de George Oetterer.

“A iniciativa das escolas é muito importante, já que o município vivencia um surto da Dengue. A união da comunidade e do poder público é a saída para combater os criadouros do mosquito. Precisamos estar conscientes e atentos nesse momento, os cuidados diários e a eliminação dos possíveis criadouros do mosquito são indispensáveis” destaca o prefeito em exercício.

🚫 #TodosContraADengue

Em Iperó, mais de 600 casos de Dengue foram confirmados neste ano. Os casos estão concentrados no bairro de George Oetterer e, por conta disso, é extremamente importante que os moradores façam a sua parte e reservem poucos minutos do seu dia, diariamente, para fazer uma limpeza no seu quintal.

A Prefeitura está trabalhando diariamente em torno do controle da situação, mas cada morador também precisa fazer sua parte para vencermos a guerra contra o mosquito.

Scroll Up