Home » Destaque » Iperó fica na lista de municípios com Polos totalmente adequados para a UNIVESP 

Iperó fica na lista de municípios com Polos totalmente adequados para a UNIVESP 

Iperó fica na lista de municípios com Polos totalmente adequados para a UNIVESP 

Dados apontaram precariedade em outros Polos e vestibular é adiado

Segundo pesquisa realizada pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, apenas 129 Polos dos 239 analisados estão em situação regular para comportar a Universidade Virtual do Estado de São Paulo (UNIVESP) – instituição pública de ensino superior. O Polo do município de Iperó, além de se encaixar nas condições adequadas, ainda se destaca por fazer parte dos 7% que dispõem de laboratórios de informática com os requisitos exigidos.

A partir do firmamento do convênio com o Estado, a Prefeitura se disponibilizou a ceder um local apropriado para o ensino da Universidade e, desde então, manteve o empenho de adequação e manutenção dos equipamentos necessários. O Polo, localizado na Escola Municipal Henory de Campos Góes, apresenta salas adequadas e laboratório de informática com o total de 50 computadores, o que viabiliza o ensino EAD aos estudantes.

A UNIVESP do município, que completa um ano, atualmente conta com 39 alunos do curso de Pedagogia e 21 alunos de Engenharia da Computação. “A educação é um assunto que sempre deve ser tratado com prioridade. Falando de Ensino Superior, o Polo Educacional da UNIVESP no município é uma importante conquista que nos traz muito orgulho. Somos felizes por fazer parte desse influente projeto do Governo do Estado que beneficia tanto a população”, comenta o prefeito.

O vestibular

Por conta dos Polos que se encontram em situação imprópria, a UNIVESP anunciou que o vestibular, tradicionalmente realizado no início do ano, será adiado para o mês de agosto. Serão oferecidas vagas para cursos de licenciatura em Letras, Matemática e Pedagogia.

O curso de Engenharia de Produção, que vinha sendo cogitado para o Polo do município, não será incluso no vestibular por decisão da Universidade, que também suspendeu o vestibular para demais cursos de exatas. A Prefeitura informa que, assim que o vestibular para essa área for liberado, o Polo estará preparado para atender às necessidades desses cursos.