Home » Notícias » Mutirão percorre mais de 600 residências

Mutirão percorre mais de 600 residências

Mutirão percorre mais de 600 residências

A campanha “Todos juntos contra o Aedes Aegypti”, promovida pelo governo do Estado de São Paulo, recomeçou na última quinta (26) e percorreu o “centro velho” de Iperó. Devido às chuvas, não foi possível percorrer as residências no dia 21 (sábado), conforme previsto inicialmente. A ação é um mutirão de combate ao mosquito transmissor da Dengue, Chikungunya e Zika vírus e acontecerá sempre aos sábados, duas vezes por mês, até abril.

No último sábado (28) foi a vez de o bairro George Oetterer ser percorrido pelos agentes. Cerca de 360 residências foram visitadas pelos agentes na região do “centro velho” e outras 300 em George Oetterer. O mosquito se prolifera em locais com água parada e por isso é essencial a eliminação de recipientes que possam acumular água.

Sueli Helena dos Santos, moradora do “centro velho”, disse que é importante o mutirão. “Eu não tenho quintal, mas tenho plantas e fico atenta. Lavo e sempre uso cloro também, pois nos orientaram dessa forma. E é preciso que cada morador cuide da sua residência”, comentou.

Em 2016 foram registrados 40 casos de Dengue, sendo 19 importados e 21 autóctones. Houve ainda o registro de cinco casos importados de Chikungunya e nenhum registro de Zika vírus. Em 2017, até o momento, houve um caso de Dengue, importado, e outros quatro estão sendo investigados. Não houve nenhum caso de Zika vírus e há um caso suspeito de Chikungunya que aguarda o resultado dos exames.

“Precisamos manter a nossa cidade protegida. Os mutirões são importantes e a participação da população contribui bastante para que eliminemos todos os possíveis criadouros do mosquito. Só assim continuaremos livres das epidemias dessas doenças causadas pelo Aedes Aegypti”, ressaltou o prefeito.

Os próximos mutirões acontecerão nos dias 11 e 18 de fevereiro. Os locais serão definidos pela Secretaria de Saúde e divulgados em breve.

Scroll Up