Home » Destaque » Prefeito de Iperó participa do Seminário Resíduo de Valor 2019

Prefeito de Iperó participa do Seminário Resíduo de Valor 2019

Prefeito de Iperó participa do Seminário Resíduo de Valor 2019

O prefeito de Iperó e presidente do Ceriso, Vanderlei Polizeli, esteve nesta segunda-feira (15) no Teatro Municipal Teôtonio Vilela, em Sorocaba, participando da mesa de abertura oficial do Seminário Resíduo de Valor 2019, evento promovido pelo Instituto Movimento Cidades inteligentes. Além do Prefeito de Iperó, estiveram compondo a mesa de autoridades o Ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, o agrônomo e ambientalista, Xico Graziano, Antônio Pinheiro Pedro, advogado e consultor ambiental, além do Prefeito de Sorocaba, José Crespo, o Prefeito de Salto, Geraldo Garcia, e parlamentares Estaduais e Federais.

O seminário, que busca alternativas para o uso racional do lixo a fim de reduzir o passivo e agregar valor ao lixo, se tornando um ativo financeiro e de inovação, teve como tema “lixo sustentável: receita e energia”, visando sensibilizar e conscientizar os prefeitos e gestores públicos sobre as vias possíveis para o atendimento à Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), além de apontar caminhos efetivos para a regionalização como forma de fortalecer o executivo municipal com a preservação de seus direitos políticos para novas eleições.

O prefeito municipal de Iperó comentou sobre a importância do seminário. “É um prazer participar do evento que aborda um tema tão relevante como o de resíduos sólidos. Os municípios precisam pensar de forma regionalizada na busca de inovações que possam gerar recursos e não um passivo ambiental. É uma realidade que precisa de um olhar diferenciado e o seminário, certamente, irá contribuir para pensarmos sobre isso” destaca.

O presidente do Instituto Movimento Cidades Inteligentes, Luigi Longo, na ocasião, parafraseou o escritor Victor Hugo, relacionando sobre as ideias discutidas no seminário, “Nenhum exército do mundo pode resistir à uma ideia, cujo o tempo chegou” disse.

RESÍDUOS SÓLIDOS

Os resíduos sólidos são lixos urbanos classificados como matéria orgânica (restos de comida), papel e papelão, plásticos, vidros, metais, entre outros. Em média estima-se que cada cidadão produza 1,3kg de resíduo sólido por dia. Alguns resíduos sólidos são perigosos para o meio ambiente, portanto, deve ser tratado com muita cautela durante os processos de coleta seletiva.

“O CERISO já tem um papel primordial nesse tema. Estamos trabalhando para criar um plano regional em parceria com o Governo do Estado de São Paulo, que atenderá 27 cidades integrantes do RMS, na busca de uma solução regionalizada, mas, que considere as peculiaridades de cada município, suas experiências, características, etc. Esse plano regional será um plano piloto para o Estado” finalizou o prefeito municipal e presidente do CERISO, Vanderlei.

Scroll Up