Home » Notícias » Prefeitura avança na regularização do Bela Vista e do distrito Industrial

Prefeitura avança na regularização do Bela Vista e do distrito Industrial

Prefeitura avança na regularização do Bela Vista e do distrito Industrial

No começo do mês, o prefeito de Iperó, obteve, do governo do Estado, a permissão de uso de uma área que abrange a vila Bela Vista, o distrito industrial e o cemitério municipal. A destinação da área aguardava liberação desde o início do governo e, agora, com a permissão, a Prefeitura poderá entrar com solicitação para ter o imóvel em definitivo e, com isso, fazer a regularização.

Segundo explica o prefeito, a área pertencia à antiga Fepasa e, com a extinção desta, o imóvel ficou sob responsabilidade do Instituto de Terras do Estado de São Paulo (Itesp). Desde o início desta Administração, a Prefeitura estava buscando a definição sobre o domínio do imóvel, fazendo contatos com o Itesp, a Superintendência do Patrimônio da União (SPU/SP) e a Secretaria Estadual de Justiça até que fosse possível obter a permissão agora conseguida.

Em parte da área estão localizadas aproximadamente 40 empresas que não têm documentação dos terrenos onde se localizam e, em outra, está o Horto Florestal Bela Vista, onde hoje residem 77 famílias. Além disso, o imóvel também abrange o Cemitério e o terreno da sua futura ampliação.

Outras ações

O prefeito enfatiza que esse é mais um avanço na questão de regularização fundiária de diversas áreas da cidade. No caso dos imóveis da antiga ferrovia a Prefeitura também está tratando dos casos da Vila Santo Antonio, do Novo Horizonte e do núcleo de casas próximo ao centro, faltando agora a SPU/SP assinar a documentação, tornando possível a regularização, com o que será possível outorgar as escrituras e resolver a questão do registro desses imóveis, beneficiando, aproximadamente, 500 famílias.

Finalizando, o prefeito lembra que a Prefeitura também está trabalhando na regularização fundiária de outros bairros de Iperó, como o Campos Vileta e os núcleos Chuteira, Carijó e Mariita. No ano passado, foram feitas as regularizações do Jardim Monções e do Jardim Joseli, tendo sido feita a entrega das escrituras para sessenta famílias. Além disso, em 2013 também houve a regularização de parte do distrito industrial realizada com apoio da Câmara Municipal e que contemplou 22 empresas.