Home » Destaque » Projeto “Alimentação Saudável” vai percorrer a rede de ensino

Projeto “Alimentação Saudável” vai percorrer a rede de ensino

Projeto “Alimentação Saudável” vai percorrer a rede de ensino

Desde o último dia 18, a Prefeitura de Iperó, através do Departamento de Alimentação Escolar, está realizando o projeto “Alimentação Saudável”, que tem o objetivo de levar informações sobre a pirâmide alimentar aos alunos da rede municipal, explicando sobre os grupos alimentares e as porções adequadas nas refeições diárias.

Entre os grupos alimentares estão os cereais, hortaliças, frutas, leguminosas, leite e derivados, carne e ovos, óleos e gorduras, açúcares e doces. As atividades começaram nos projetos “Bem-me-quer” e “Despontando cidadãos” da área central e seguirão para os projetos em George Oetterer. Posteriormente serão desenvolvidas nos centros de educação infantil (CEIs). A finalização acontecerá com palestras nas escolas municipais.

As nutricionistas Luciana Cristina Ribeiro e Lilian Cóvos explicam que a iniciativa nasceu durante a “Semana da Alimentação”, realizada anualmente no município. “Procuramos desenvolver as ações com foco na pirâmide, levando adiante experiências que já havíamos desenvolvido. As crianças fazem exercícios de desenho para reforçar o aprendizado sobre cada grupo alimentar e a pirâmide é um guia da alimentação saudável. Os alunos levam essas informações aos familiares para que coloquem em prática diariamente”, comentaram.

“É um projeto que vai proporcionar a reeducação alimentar das nossas crianças. Nas escolas, CEIs e projetos elas recebem alimentação saudável. É preciso que em casa haja continuidade”, disse Maria Cristina Gonçalves, coordenadora do “Bem-me-quer” e “Despontando cidadãos” da área central.

O prefeito também destacou o papel dos alunos como multiplicadores. “Cada um deles acaba incentivando os familiares na mudança de comportamento quanto à alimentação. É um trabalho que faz a diferença e vai contribuir para que todos tenham uma vida saudável”, ressaltou.

“MELHOR PRATO” – Um outro projeto também coordenado pelo Departamento de Alimentação Escolar, em parceria com a Angá, empresa responsável pela merenda na rede municipal, incentiva a padronização do preparo das refeições em todas as unidades. É o “Melhor Prato”.

“As merendeiras nos encaminham fotos diariamente e avaliamos a apresentação, aparência, corte, montagem e porções. Começamos em março e tem dado certo”, explicaram as nutricionistas Luciana Cristina Ribeiro e Lilian Cóvos.

Em abril, o “Melhor Prato” foi o da Escola Municipal “Elisa Moreira dos Santos”, com as merendeiras Rita e Roseli, e o do CEI “Almirante Schieck”, com as merendeiras Renata e Melina.

Scroll Up