Home » Destaque » Projeto que classifica Iperó como município de interesse turístico segue em análise na Assembleia Legislativa

Projeto que classifica Iperó como município de interesse turístico segue em análise na Assembleia Legislativa

Projeto que classifica Iperó como município de interesse turístico segue em análise na Assembleia Legislativa

Apresentado pelo deputado estadual Carlos Cézar (PSB) em 18 de agosto, o Projeto de Lei 785/2017, que classifica Iperó como Município de Interesse Turístico (MIT), segue em análise na Comissão de Constituição, Justiça e Redação da Assembleia Legislativa. O relator é o deputado estadual José Afonso Lobato (PV), que no dia 24 de outubro recebeu documentação com informações complementares sobre o pleito de Iperó.

Além das justificativas apresentadas, o projeto destaca as características interioranas de Iperó e ressalta a existência, no território iperoense, da Floresta Nacional de Ipanema. Acontecimentos históricos também serviram como embasamento, com eventos de relevância nacional, como o desenvolvimento da primeira siderúrgica americana em Ipanema no fim do século XVI, a construção da Real Fábrica de Ferro de São João de Ipanema no início do século XIX e o tropeirismo. Além disso, a construção da estrutura da Estrada de Ferro Sorocabana no fim da década de 1920, que levou ao desenvolvimento do município.

O projeto ressalta aspectos culturais, como a devoção a Santo Antonio, cuja tradição remonta a mais de 200 anos, e a Festa do Padroeiro que acontece anualmente desde 1943. A Festa de Santa Rita, cuja devoção remonta à década de 1920, também é abordada no projeto, que relaciona outras festividades locais como o Natal Encantado, a Semana da Cultura, a Semana da Consciência Negra, a Festa de São João Batista realizada há mais de 200 anos em Ipanema e a IperóFest em comemoração ao aniversário da cidade. Outro aspecto importante é o balonismo, que desde 2016 desenvolve as suas atividades na área da antiga Oficina de Soldagem de Trilhos.

“Nossa expectativa é grande para a aprovação do projeto e ficamos na torcida a cada novo passo dado na Assembleia Legislativa, pois isso nos mostra que estamos cada vez mais próximos do reconhecimento de Iperó como Município de Interesse Turístico. Após a aprovação, receberemos uma verba anual de R$ 600 mil para aplicarmos no turismo. Iperó tem um grande potencial e essa classificação será mais um impulso à nossa vocação turística, contribuindo para o desenvolvimento local, o fortalecimento do comércio e a geração de emprego e renda”, destacou o prefeito.

Quando receber a classificação como Município de Interesse Turístico (MIT), Iperó estará entre os 140 municípios paulistas habilitados a receber recursos do Fundo de Melhoria dos Municípios Turísticos. Iperó já integra o Mapa do Turismo Brasileiro, compondo a região turística “História & Aventuras”, que é composta também por Sorocaba, Araçoiaba da Serra, Capela do Alto, Mairinque e Votorantim.